UBS 12 é inaugurada em Samambaia

A população de Samambaia Norte ganha reforço no modelo de atendimento da Estratégia Saúde da Família com a inauguração da Unidade Básica de Saúde (UBS) nº 12, na Quadra 210, nesta quinta-feira (18).

A solenidade de abertura teve a presença do governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg. “Quando assumimos o governo, tínhamos menos de 30% de cobertura de atenção primária e um modelo atrasado. Adotamos a Estratégia Saúde da Família para modernizar o atendimento”, disse.

A UBS 12 conta com sete equipes, e cada grupo atenderá cerca de 3.750 pessoas. O horário de atendimento é das 7 às 19 horas de segunda a sexta-feira e das 7 às 12 horas aos sábados.

O espaço tem 700 metros quadrados de área e é formado por:

  • Nove consultórios médicos
  • Quatro consultórios dentários
  • Salas de acolhimento, esterilização, vacina, coleta de materiais e de procedimentos
  • Escovário
  • Farmácia
  • Sala de reuniões

Para mais informações, os telefones provisórios da Unidade Básica de Saúde (UBS) nº 12 são (61) 99559-1654 e (61) 99553-1577.

Remanejamento de profissionais para melhorar a qualidade do serviço
As atividades tiveram início na segunda-feira (15), após remanejamento de profissionais. A UBS 1, na Quadra 408 de Samambaia, passou a contar com três equipes — e não mais dez.

Essa mudança foi necessária porque a área norte da região administrativa, onde está nova unidade de saúde, é mais populosa e tem 85% de pacientes dependentes do Sistema Único de Saúde (SUS).

O remanejamento também melhora a qualidade do serviço prestado pelos profissionais de saúde. “Com 10 núcleos de atendimento, o espaço ficava muito apertado”, compara a superintendente da Regional de Saúde Sudoeste, Lucilene Florêncio.

As equipes de saúde da família são formadas por médico, enfermeiro, técnico em enfermagem e agente comunitário.

Aumento na cobertura da Estratégia Saúde da Família
Com a abertura da UBS 12, Samambaia passa a ter 88% de cobertura da estratégia. “É uma das mais altas taxas de cobertura da rede”, destaca Lucilene. Hoje, a agenda de atendimentos é preenchida na proporção de 50% para demandas espontâneas (consultas sem agendamento prévio) e 50% para consultas marcadas.

Segundo o governador, o objetivo é que Samambaia tenha 100% de cobertura de atenção primária em junho. “Hoje, o DF tem 63% de cobertura de atenção primária. Isso é importante porque resolve os problemas das pessoas perto de suas casas, desafogando as emergências dos hospitais.”

O secretário adjunto de Assistência à Saúde, Daniel Seabra, lembrou que havia 41 equipes de Saúde da Família na região em janeiro de 2015. “Hoje já são 53, com a perspectiva de chegar a 60 em fevereiro. É um aumento de mais 76 mil pessoas só em Samambaia”, disse.

Rollemberg ainda destacou que, desde 2015, Samambaia recebeu cinco creches, dois terminais de ônibus, um Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), um Centro Interescolar de Línguas (CIL) e receberá duas novas estações da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF), com verba já liberada pelo Ministério das Cidades.

 

FONTE: Agência Brasília


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *