CLDF aprova ‘botão do pânico’ para violência doméstica em 1º turno

Adneison Severiano/G1 AM/Imagem ilustrativa

A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou nesta quarta-feira, 31, o PL nº1.135/2016, que cria diretrizes para o chamado “botão do pânico” a mulheres em situação de risco de violência doméstica e familiar no DF.

O aplicativo a ser instalado nos celulares de vítimas protegidas por medidas protetivas poderá ser acionado todas as vezes que essas mulheres se virem ameaçadas por seus agressores. A medida já foi adotada em outros estados.

De acordo com o texto, de autoria de Wellington Luiz (PMDB), o dispositivo de segurança preventiva deverá funcionar de forma integrada entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, na forma de parcerias e convênios.

O projeto precisa ser votado em segundo turno antes de seguir para a sanção do governador.

Com informações da agência da Câmara Legislativa


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *