Lei determina GDF a instruir sobre gravidez a mulheres paraplégicas

Reprodução/Revista Época

Uma lei publicada no Diário Oficial desta segunda-feira, 29, requer que o Governo de Brasília faça campanhas publicitárias para esclarecer à sociedade sobre a gravidez em mulheres paraplégicas e tetraplégicas.

De autoria da deputada distrital Celina Leão (PPS), a nova regra poderá ser efetivada na prática por meio de ministração de palestras educativas com a distribuição de materiais.

A lei também institui como ferramentas a realização de pesquisas e parcerias entre empresas privadas e entidades voltadas à defesa de pessoas com deficiência.

A deputada usou como embasamento para a proposta um estudo publicada em revista na área de medicina que listou vários problemas que precisam ser esclarecidos durante gravidez de mulheres com lesões medulares.

Segundo a publicação, embora haja o risco de complicações durante a gestação, pode-se reduzir e administrá-los com um pré-natal adequado e planejamento apropriado.


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *