Sem funcionários, Metrô-DF libera catraca

Estação GuarirobaPor Elton Santos

Guardian DF recebeu denúncias e vídeos de estações de metrô sem funcionários durante o final de semana. O caso ocorreu em Guariroba. Em contato, a empresa disse que “isso aconteceu por falta de funcionários. Para não fechar a estação e impedir o acesso dos usuários, o Metrô prefere permitir o acesso livre”.

Na contramão do problema, o governo renovou o contrato na última semana com a empresa Servi Segurança, que faz a vigilância, com uma acréscimo de  R$ 173.390,18 por mês, totalizando mensalmente R$ 2.219.182,77  e um montante de R$13.315.096,62. No momento, existem 250 aprovados no concurso do Metrô para o cargo de agente de segurança.

Veja o vídeo mostrando a falta de funcionários:

Na semana passada, um homem foi visto na estação de Águas Claras totalmente transtornado. Um internauta informou que ele se debatia dentro do vagão. Além disso, ele gritava na plataforma do Metrô e parecia sob efeito de drogas (veja o vídeo abaixo).


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *